Qual é o vosso estilo de decoração?

0 Gostou

Quando falamos em decoração, podemos referir-nos a vários e distintos estilos, porém, só alguns ganham especial destaque. Por serem os mais usados, admirados e marcantes. Um não tem de estar mais na moda do que o outro, o importante é que viva num ambiente que seja o reflexo de si mesmo(a). Já pararam para pensar se a vossa casa espelha, verdadeiramente, os vossos gostos? Eu tenho as minhas preferências… e vocês deverão ter as vossas. Já identificaram o seu estilo de eleição?

RÚSTICO É a representação da vida rural, são as típicas casas de campo. As marcas gastas do mobiliário de madeira são uma característica deste estilo, bem como as fibras naturais como o bambu, por exemplo. Os tons são neutros e muitas vezes, o que confere uma outra vida aos espaços são os têxteis, frequentemente com padrões florais. Os vasos e cestos de verga, as flores do campo ou as peças homemade são uma constante. O tijolo, o soalho de madeira e as vigas propositadamente deixadas à vista, tal como podemos ver na imagem, também fazem parte das características deste estilo.

CLÁSSICO (OU TRADICIONAL) Caracteriza-se por uma decoração sofisticada. As habitações têm paredes e tetos trabalhados, tão característicos do séc. XVIII e XIX. E porque a tradição ainda é o que era… o mobiliário é rico e ornamentado. Não tem necessariamente de ser antigo ou antiquado mas sim elegante e intemporal. No estilo clássico o luxo é valorizado, recorre-se às tapeçarias grandes e antigas, (verdadeiras relíquias), aos candeeiros de cristal, às sedas e veludos em sofás e cortinados. Por norma, a decoração é simétrica.

sabe_o_seu_estilo de decoração1

Crédito da imagem: Nem England Home

CONTEMPORÂNEO (OU MODERNO) Ambos refletem as últimas tendências. O mobiliário tem linhas direitas, e por vezes, cor escura, contrastando com o branco das paredes. A funcionalidade e o design ‘andam de mãos dadas’. Os ambientes traduzem-se em algo simples, clean, funcional e organizado. As superfícies dos armários são lisas e com bons acabamentos. Nos têxteis é frequente encontrarmos tecidos lisos. De uma forma geral, a decoração é acolhedora, integrada, versátil e glamorosa mas sem excessos. Os espaços têm poucas peças, é o conceito do ‘less is more’, apesar de não chegar ao extremo do estilo minimalista.

É importante referir que, embora semelhantes, há quem faça pequenas distinções entre o estilo contemporâneo e moderno, os materiais mais usados são a fibra de vidro, o plástico, o aço, ferro, ou o mármore.

estilo-Moderno

Crédito da imagem: www.pinterest.com

ÉTNICO Vai buscar inspiração às civilizações mais antigas, diferentes e exóticas. São características as peças de artesanato de tribos africanas, as estátuas, os tecidos cheios de padrões e cores como vermelho, laranja e amarelo. Este tipo de soluções geralmente liga bem com o design contemporâneo. As peças trazidas do Oriente também recolhem grande apreciação do público, assim como vindas de Bali e da Tailândia. Claro que o baixo custo dos artigos também ajuda…

Estilo etnico

Crédito da imagem: Lisa Sherry Interieurs vía Table Tonic

VINTAGE O grande segredo deste estilo passa por conjugar de forma harmoniosa os objetos do passado com o mobiliário contemporâneo. As peças antigas, especialmente típicas do anos 40, 50 ou 60, fazem as delícias dos amantes do vintage e retrô, que não raras vezes estão dispostos a pagar verdadeiras fortunas por elas. O resultado final é na sua, generalidade, muito característico e cheio de charme e personalidade.

estilovintage

Crédito da imagem:  www.pinterest.com

Fontes: http://ideas.thenest.comhttp://www.galdecor.comhttp://www.artigonal.com

http://www.westwing.com.brhttp://www.ehow.comhttp://eudecoro.com.br;

 Acompanhem o blogue também pelo facebook, instagram e pinterest.

Deixe uma resposta